.12 de novembro de 2017

O Retrato de Dorian Gray - Oscar Wilde

..."Aqui havia um símbolo visível da degradação do pecado. Aqui havia um sinal sempre presente da ruína que os homens trouxeram para as suas almas." 


Os distraídos podem não ter percebido ainda, mas sou formada em Letras e um dos livros que deveria ter lido durante a graduação é O retrato de Dorian Gray, e por um motivo que desconheço até hoje, em minha primeira tentativa, larguei-o depois das primeiras páginas! Não entendo o porquê, pois esta é uma obra muito bem escrita e instigante, do jeitinho que eu gosto. 

     Tudo começa com uma conversa entre os amigos Henry e Basil a respeito de um quadro que o segundo está terminando. Nele é representada a figura do mais belo rapaz da sociedade inglesa da época, Dorian Gray. 
    Henry, que é o típico aristocrata ocioso, vê no rapaz uma forma de sair da mesmice, uma vez que ele é jovem, rico, solteiro e tem a maior dádiva de todas: a beleza, por isso Henry decide influenciar o garoto a fazer tudo aquilo que ele mesmo não pôde, mas queria, enquanto isso, Basil fica atordoado. Ele conhece os amigos e sabe que Henry é uma péssima influência e Dorian é muito impressionável. 
     Nesse mesmo dia, por causa de tudo o lhe foi dito, ao ver seu quadro pronto, Dorian manifesta um desejo, regado a lágrimas e muito drama, de que o retrato sofresse todas as agruras do tempo enquanto ele permanecesse jovem e bonito para sempre. O inesperado aconteceu... Alguém ouviu esse apelo. A partir daí, vemos a mudança, ou explicitação do caráter maldoso e cruel de Dorian Gray, o egoísmo e narcisismo dele ultrapassa todas as barreiras o tornando detestável e muito perigoso. 
    Esse romance, publicado em 1890, faz parte do gênero gótico por causa de seus elementos fantásticos e macabros, ademais demonstra muito bem o movimento Esteticista ao qual Wilde fez parte, sendo este um defensor da beleza, sem reflexões, apenas a valorização do belo, entretanto, nesta obra o autor critica os próprios ideias e mostra como essa hipocrisia e alienação é condenável e destrutiva para todos. 

Embarquei nessa leitura com uma expectativa bem neutra, mas gostei muito do desenrolar da narrativa e recomendo para todos essa experiência. =) 

4 comentários:

  1. Olá!!! Gostei muito da sua opinião e resenha, gostei do enredo da história. não leio livros assim desde o ensino médio mas, gosto demais.
    Beijocas.

    www.meumundosecreto.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Vanessa!!
      Ah, eu adoro clássicos, não consigo parar de lê-los <3
      Obrigada pelo comentário!
      Bjs

      Excluir
  2. Outro magnífico livro, eu não o qualificaria como de horror ou terror, embora seja uma alegoria com situações irreais.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá!
      Hoje em dia, acho que ninguém mais sente medo das situações apresentadas nesse livro, mas acho que no século XIX ele deve ter deixado algumas pessoas sem dormir.
      A intenção do autor era mesmo trazer essas alegorias e críticas sociais mascarando tudo com um romance gótico ao que parece =)

      Excluir

Comentar leva apenas alguns segundos...Sua opinião é muito importante! =D

© LIVRE LENDO - 2016 | Todos os direitos reservados. | Blog de Andrea Morais | Tecnologia do Blogger