.27 de outubro de 2017

A menina que tinha dons - M.R. Carey


Olá, pessoal! Em 2015 fui apresentada a esse título, fiquei bem interessada pela temática do livro, mas não tive oportunidade de ler até esse mês, dois anos depois. Algo que me fez ficar ainda mais instigada a fazer essa leitura foi a biografia do autor que já trabalhou como roteirista das séries HellBlazer, Lucifer, X-Men, mostrando uma vasta experiência com os gêneros horror e ficção científica, ou seja, a expectativa estava lá no alto... 

     Nesse romance, conhecemos Melanie, uma menina de dez anos, muito peculiar, gentil e amorosa, mas vive presa em uma base militar de segurança máxima... Acompanhando seus passos, descobrimos que ela não é a única criança do lugar e tudo o que é aprendido por elas veio dos professores da base, eles nunca viram o mundo exterior, ou não se lembram dele. 
    Como o livro é narrado em terceira pessoa, vamos ter acesso as mentes de outras personagens, sendo elas o sargento Parks, um de seus soldados, a srta Justineau (professora mais querida por Melanie) e a Dra. Caldwell. Através deles entendemos porque essas crianças estão presas o tempo todo, comem larvas e atacam quando sentem o cheiro de carne humana... Elas são "infectados", possuem dentro de si uma espécie de fungo, existente no mundo real, que age no sistema nervoso central, primeiramente dominando-o e depois tomando conta de todo o corpo hospedeiro, a partir daí o mesmo perde a consciência e só reage as necessidades do fungo. Fora da ficção, esse organismo só ataca formigas, no livro, ele evoluiu e alcançou a nossa espécie, causando uma destruição quase total a humanidade. 

"A cobaia está morta, mas o patógeno que controla seu sistema nervoso nem mesmo fica ligeiramente intimidado pela perda de uma consciência diretora. Ele ainda sabe o que quer e ainda é o capitão deste navio que afunda." 

  Mas a Dra Caldewell descobriu que algumas crianças conseguem reprimir esse instinto, desde que supervisionadas,  conseguem pensar e agir como seres humanos "normais", logo, ela as usa como cobaias para encontrar uma possível cura para essa epidemia que já dura vinte anos... 
    O mundo como nós conhecemos já não existe mais e é um cenário pós-apocalíptico desesperador, o mais desesperador que li até hoje. O modo como os infectados agem é horrível e a forma como os não-infectados vivem, também! Todos perderam a humanidade, todos apenas pensam em sobreviver, mas nunca de maneira verdadeiramente coletiva, a própria doutora, a todo momento pensa no possível Nobel que ganhará quando encontrar a cura e o mundo for reconstruído por sua causa... 
    A menina que tinha dons é um livro muito rápido de ser lido, Os capítulos são curtos, ágeis e frenéticos. O autor sabe muito bem como prender a atenção do leitor e não nos permite largar a história. Talvez o fato dessa narrativa ter sido, originalmente, um roteiro para o cinema, seja a explicação para esse ritmo tão frenético e gráfico. 
   Outro ponto interessante também é a construção da narração que se assemelha aos discursos direto e indireto livres: há vários momentos nos quais não sabemos quem fala, ou quem está pensando, é o narrador ou a personagem? Isso eu achei particularmente maravilhoso. 
    Então é isso, gente, como dito no começo da postagem, estava com a expectativa muito alta para essa leitura e, felizmente, ela não me decepcionou e se mostrou uma das melhores em se tratando do gênero pós-apocalítico, vale muito a pena! =) 

24 comentários:

  1. Oi, tudo bom?
    ESSE LIVRO NÃO IRIA SAIR O FILME? OU JÁ SAIU E EU TO LOKO??? Essa capa é maravilhosa, faz tempão que quero ler ele! A premissa me chama bastante atenção, mas o que me deixa divido são os comentários a respeito, tem gente que gosta e não gosta, e eu só quero ler logo para saber o que irei achar!

    Allons-y,
    JUSTIFICOU | TEORIAS & INSPIRAÇÕES ♡

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oiê!
      Sim, ele livro tem um filme, ainda não pude assisti, mas tem o filme sim e parece ser muito bom =)

      Excluir
  2. Olá!
    Não sei explicar mas antes de continuar lendo a resenha me lembrou a Incendiária de S.King.
    Fiquei interessadíssima em ler e já vou se tem em e-book.
    Parabéns pela resenha obrigada pela dica! Bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oiê!
      Menina, não conheço esse livro do King, mas fiquei curiosa!! Vou procurar! =)
      Obrigada!!

      Excluir
  3. oieee
    tenho esse livro faz dois anos e até hoje ainda não o li, sempre tive uma expectativa muito baixa para a leitura e acho q por isso não comecei a ler ainda, fico muito feliz de saber sua opinião e que superou suas expectativas, com certeza darei uma chance

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Dá sim!! É um livro muito, muito bom!! Espero que leia mesmo =)

      Excluir
  4. Quero muito ler esse livro, parece uma história super interessante e eu amo esse tema de mundo pós-apocalíptico, com uma doença que tomou conta da humanidade.
    Beijos
    Mari
    Pequenos Retalhos

    ResponderExcluir
  5. Olá, tudo bem? Nossa, parece ser uma história bem interessante mesmo, com o pouco que tu falou dele já fiquei curiosíssima. É muito bom quando nos surpreendemos com uma obra, né?! Adorei a resenha!

    https://duaslivreiras.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi!! Tudo bem sim e você?
      Que bom que gostou da resenha! Adoro ser surpreendida positivamente =)

      Excluir
  6. Oi,
    Não conhecia a história mas achei interessante gosto de histórias com esse tema, fiquei com uma dúvida por ter sido baseada em um roteiro ela chegou a virar filme? A menina me lembrou muito aquela personagem da série Stranger Things não sei se você acompanha a Eleven. Gostei da dica e vou anotar.
    Beijos
    Raquel Machado
    Leitura Kriativa
    leiturakriativa.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá!!
      Sim, esse livro virou filme e parece ser bem legal, mas não foi muito bem divulgado pelo que percebi...

      Excluir
  7. Oiiie,Sinceramente eu quase não leio livro do gênero mas me disseram antes sobre esse livro que era realmente muito bom e agora to vendo isso de novo pela sua resenha então deve realmente ser bom então,vou começar a procura-lo e qualquer coisa te digo o que achei <3

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá!!
      Leia sim!! Quero muito conversar com outras pessoas que leram esse livro!! =D
      Vou torcer para você ler!!

      Excluir
  8. Olá, tudo bem? Ah que bom que o livro atendeu as suas expectativas. Já tive um interesse nele, mas acabei esquecendo-o. Gostei de saber que a leitura tem uma pegada frenética, o que AMO no gênero e com certeza darei uma chance. Ótima resenha!
    Beijos,
    diariasleituras.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá! Tudo bem sim e você?
      Que bom que gostou da resenha! Se se sentiu instigada a ler, então, alcancei meu objetivo *___*

      Excluir
  9. Aaah eu amo essa história, é maravilhosa, envolvente e muito intensa. As cenas são assustadoras e ao mesmo tempo não me deixava largar o livro até terminá-lo haha. Essa foi uma das minhas melhores leituras desse ano também, a sua resenha está ótima e me deu saudades dessa obra maravilhosa. Bjss!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Uaaaau que legaaal que você também leu!!!
      Amei essa leitura, me surpreendeu muito!!

      Excluir
  10. legal que vc não se decepcionou com a leitura... eu já tinha ouvido falar da obra mas nunca bateu vibe pra ler... bom que ele tem capítulos curtos e fluidos....
    bjs...

    ResponderExcluir
  11. Olá!

    Não o conhecia, mas parece ser bem interessante. Não é o que procuro no momento, mas pretendo fazer a leitura. Obrigada pela dica!

    ResponderExcluir
  12. OIii!

    Conheco o livro de nome mas ainda não li. Eu gosto bastante desse estilo de obra e espero ler em breve.
    Fiquei feliz em saber que a leitura não te decepcionou.

    Beijnhos

    ResponderExcluir
  13. Oie,
    Nunca tinha ouvido falar do livro e estou encantada! Adoro livros com temáticas pós apocalípticas, que envolvem poderes. Quando você disse que o autor é roteirista dessas séries maravilhosas já gostei mais ainda.
    Vou anotar a dica, com certeza!
    Beijos
    Blog Relicário de Papel

    ResponderExcluir

Comentar leva apenas alguns segundos...Sua opinião é muito importante! =D

© LIVRE LENDO - 2016 | Todos os direitos reservados. | Blog de Andrea Morais | Tecnologia do Blogger