.9 de janeiro de 2017

Gabriela, Cravo e Canela - Jorge Amado


Ah, Bahia, terra de Castro Alves, do acarajé, das noites de magia do candomblé... de Jorge Amado e, claro, de sua inestimável personagem Gabriela com cheiro de cravo e da cor de canela...
Essa história começa na Ilhéus de 1925 no período dourado da cidade possibilitado pelas lavouras de cacau, mas apesar de toda a sua riqueza, Ilhéus ainda é extremamente retrógrada e no primeiro capítulo vemos um marido traído assassinando sua esposa e o amante e sendo glorificado por isso... No mesmo dia, o sírio Nacib, dono do melhor bar da cidade, conhecido por seus quitutes, perde a cozinheira e precisa urgentemente de uma, é assim que surge Gabriela. 
A moça, uma retirante, num primeiro momento não chama atenção, mas depois de habituar-se a vida na cidade grande, ela passa a ser cobiçada por todos os homens, admirada e invejada por todas as mulheres também. 
Além desses acontecimentos, há na cidade uma grande disputa política entre Mundinho Falcão, representando a modernidade e Ramiro Bastos, representando os costumes antigos de maridos que vão a cabarés, têm amantes às vistas de todos, matam suas esposas quando os traem e acham que mulher só serve para ficar em casa sendo mãe e esposa... 
Esse também será um problema para Gabriela, espírito livre, acostumada a amar e ser amada sem cobrar nada em troca, ao envolver-se com Nacib, aceita seu pedido de casamento e percebe que a vida de mulher "respeitável" é horrível, cheia de nãos, cheia de privações e de muita tristeza, enfim, a certas flores que murcham nos jarros e é isso o que acontece com a personagem título. 
Em Gabriela, Cravo e Canela veremos mais uma vez as tão queridas e divertidas epígrafes de Jorge Amado, sem falar no tom leve do romance mesmo falando de temas considerados tabu até hoje, imagina no período em que foi publicado (1958), e isso faz com que toda a história seja divertida e fácil de se assimilar, o que talvez não agrade pessoas acostumadas a narrativas mais dramáticas, mas o que algumas pessoas não entendem é que a crítica nas obras de Amado estão sempre ali, só que de maneira sutil, você precisa aguçar sua mente para entender que cada piada, cada momento de riso esconde uma revolta e um apelo por mudanças. 
Mais um livro excelente desse autor e muitos outros virão ao longo desse ano! 




40 comentários:

  1. Jorge Amado, um homem além do seu tempo.
    Já li Gabriela Cravo e Canela e sempre achei bem ousada a obra, leve, gostosa de ler e ousada.
    Beijinhos, Helana ♥
    In The Sky, Blog / Facebook In The Sky

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ai, adoro esse autor! Meu professor de Literatura detesta hahaha diz que é muito mais do mesmo, mas gosto é gosto =)
      Bjs

      Excluir
  2. Olá, tudo bem?
    Confesso que nunca li esse livro, mas fiquei super curiosa. Estou com um projeto e leituras nacionais para esse ano e é claro super anotei a sua dica. beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ai, leia sim, você vai se divertir muito! =)
      Bjs

      Excluir
  3. Em pensar que nunca li esse livro...
    Valeu pela dica, vou anotar e ler assim que eu puder <3

    ResponderExcluir
  4. Oi. Esse livro é maravilhosos.
    Jorge amado foi o autor que mudou minha vida, quando li um dos livros dele, mudei a fora de ver as pessoas, o mundo, fiquei menos abitolada, foi para mim, um sair da caverna.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ah, que bom que também gosta desse autor! O primeiro livro que li dele foi Capitães da Areia e ele também me mudou, muito mesmo.

      Excluir
  5. Olá, vi a novela inspirada nesse livro. Não sei se é uma leitura que realmente me interessa no momento, mas já li outro livro do autor e talvez leia esse pelo autor. Muito boa a sua resenha.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oiê. A novela tem grandes diferenças do livro, mas é legal também.
      Obrigada! =)

      Excluir
  6. Jorge Amado... Mestre! Suas Obras sempre estiveram à frente de seu tempo!
    Parabéns pelo post!

    Bjs
    www.livrosdabeta.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  7. Olá, Andrea.
    Conheço a história de Gabriela muito superficialmente por conta da adaptação que teve do livro na Globo.
    Confesso-lhe que não tenho grande vontade de ler o livro, mas se algum dia me ocorrer de lê-lo, espero gostar tanto quanto você!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Ana.
      Ah, a série é diferente, muito dramalhão, leia o livro um dia, quem sabe goste mesmo! =)

      Excluir
  8. Admiro muito Jorge Amado, ele é incrível e sempre pensou a frente do seu tempo. Esse livro é incrível.

    ResponderExcluir
  9. Oiii Andrea
    Eu tenho tanta vontade de ler esse livro que você nem imagina, Jorge Amado é um dos meus grandes amorzinhos.
    Beijinhos da Morgs!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Morgs!
      Espero que o leia então!
      =)
      Bjss

      Excluir
  10. Oi, tudo bem?
    Nunca li nada do Jorge Amado, e não sabia que tem esse tom leve a narrativa!
    Espero conseguir ler pois fiquei com vontade agora.
    Bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá!
      Ah, ele sempre tem um tom bem leve e recheado de humor. =)
      Bjs

      Excluir
  11. Este do Jorge amado eu não li, mas conheço a história por conta da novela. É incrível quando vemos um texto tão rico e porquê não dizer atual como este , mesmo tendo sido escrito há tanto tempo atrás
    Bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Isso é fato. Infelizmente, muitas coisas em Gabriela ainda acontecem em nossa sociedade e vemos isso nos jornais quase todos os dias.
      Bjs

      Excluir
  12. Oii,
    Que clássico incrível esse em? Você me fez dar conta de quanto tempo faz que não leio livros assim.
    Vou anotar isso e tentar reler alguns que li ha anos.
    bjs

    ResponderExcluir
  13. Olá Andrea, tudo bem?

    Já li esse livro do Jorge Amado, Gabrila Cravo e Canela foi uma das primeiras resenhas lá na Saga Literária. Esse é um livro acima da média, muito bom mesmo, tem um texto rico!
    Bjuss

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá!
      Sim, um dos melhores livros que já li! =)
      Bjss

      Excluir
  14. Olá, tudo bem? Que clássico massa é esse. Não leio livros assim, mas adorei o enredo mostrado. Dica anotadérrima.
    Beijos,
    http://diariasleituras.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Carol.
      Vale a pena começar por esse então! =)
      Bjs

      Excluir
  15. Olá! Esse livro é realmente muito bom!
    Vale super a pena compartilhar! Ótima sua resenha!
    bjooooooo

    ResponderExcluir
  16. Oi, Andrea ^^
    QUE CAPA LINDA!!! *___________*
    Ainda não tinha visto essa edição. A Companhia das Letras arrasou!
    Assisti a minissérie da Globo sobre Gabriela e pense numa pessoa que ficou apaixonado pelo enredo! Não perdia nenhum episódio. Os temas abordados por Jorge Amado muito me interessam porque acredito que tabus devem ser discutidos e quebrados, e o autor traz justamente esses assuntos para o centro do palco.
    Pelo que pude perceber, as suas impressões mostram muito do que vi na minissérie então sinto que vou amar o livro, que os detalhes serão mais belos do que os foram na minissérie.
    Gabriela é uma personagem que não pode ser domada, é um pássaro livre! Queria ter essa alma. :D
    Enfim, parabéns por estar divulgando a literatura nacional através das suas impressões, Andrea.
    Bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Bruno!
      Que bom que gostou do texto!
      Realmente, Gabriela é um pássaro livre e conseguiu desconstruir e muito o que todos pensam ser os "sonhos de toda mulher". Assisti a alguns episódios da novela e ela é um pouco diferente do livro, este é mais conciso e mais leve eu diria.
      PS: as capas dessa coleção são belíssimas mesmo *__*
      Bjss

      Excluir
  17. As obras do Jorge Amado, mas confesso que esse não li. Apesar de ter assistido a série na globo. Ele tem uma linguagem chatinha, por isso parei no meio da leitura, apesar de que o cenário baiano me chama atenção.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Nossa, você acha a linguagem do Jorge Amado chatinha? Poxa, eu acho tão ágil e divertida...

      Excluir
  18. apesar de conhecer e amar a escrita de Jorge Amado, Gabriela ainda não foi lido... sua resenha só aguçou a vontade que eu já tinha de ler e que estava latente...
    adoro as criticas que o autor fazia em suas obras...
    perfeita a resenha, parabéns *-*

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ah, menina, leia sim, você vai adorar!!
      Obrigada! <3
      *___*

      Excluir
  19. Andrea, nunca li nada do autor.
    Só conheço suas obras pelas adaptações e elas por si só já me chamaram atenção.
    Gosto da ideia dessa história e tenho interesse em ler.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Déborah!
      Então quando você a ler, ficará encantada! *__*

      Excluir
  20. Olá!
    Eu sempre ouvi falar desse livro, mas não sabia muito bem do que se tratava. A história me pareceu linda e com mensagens que até hoje mexem com o leitor e o faz refletir. Gostei muito de saber como Gabriella é e como vai ser a vida dela depois de casada.
    Amei a sua resenha.
    Beijinhos!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá!
      Sim, esse livro é muito bom mesmo, ótima leitura!
      Bjss e obrigada!!

      Excluir

Comentar leva apenas alguns segundos...Sua opinião é muito importante! =D

© LIVRE LENDO - 2016 | Todos os direitos reservados. | Blog de Andrea Morais | Tecnologia do Blogger