.6 de dezembro de 2016

Sermões - Padre Antônio Vieira



Você, com certeza, já deve ter ouvido falar desse padre considerado, tanto em Portugal, quanto no Brasil, como um dos grandes nomes do período literário Seiscentismo ou Barroco, se não ouviu, você não tem noção da quantidade de sabedoria que perdeu até agora. 
Esse livro, publicado pela editora Melhoramentos, traz seis dos mais famosos sermões do padre, além de algumas informações extras a respeito do contexto social da época e da escola literária. 
Esses textos são considerados literários porque não têm um caráter puramente religioso, pois tratam de questões socais e políticas, denunciando a corrupção  e o comportamento despótico dos monarcas e administradores lusitanos e brasileiros e, também, possuem uma escrita bela e muito bem articulada, prendendo nossa atenção. 
Tendo como base a estratégia Conceptista,  o autor instiga o ouvinte/leitor a pensar e refletir a respeito das Sagradas Escrituras tendo como exemplos momentos de seus cotidianos. Os sermões aqui apresentados foram pregados, em sua maioria, entre Portugal e Brasil e tratam de temas polêmicos de maneira objetiva e bem elucidativa. Para alguns, a linguagem do século XVII pode ser um obstáculo, mas, ultrapassado, encontra-se textos reflexivos e extremamente atuais que o farão repensar muitos aspectos de sua vida. 

4 comentários:

  1. Oi, Andrea! Tudo bem?
    Uma coisa que aprendi na escola que nunca vou esquecer é quanto o barroco tem uma leitura confusa kkkkk
    Os sermões do padre sempre foram, pra mim, bem complicado no início, mas depois de ler bastante eu começava a entender melhor o que ele queria passar, e quando entendia ficava de boca aberta hahaha
    Bjs!

    -Ricardo, Lapso de Leitura

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Ric! Tudo bem sim e você?
      Realmente, o Barroco é por vezes muito difícil de se compreender porque principalmente os poemas parecem não chegar a lugar nenhum. Que bom que já teve oportunidade de ler alguns sermões de Vieira também!! Eles são um pouco cansativos, mas quando pegamos o ritmo é recompensador, né! *___*
      Bjss

      Excluir
  2. Essa é uma das correntes literárias com que identifico bastante. Não gosto muito do Pe. Antônio Vieira, prefiro mesmo o Gregório de Matos. Mas esse caráter meio dúbio dos sermões dele sempre despertaram minha curiosidade para a forma como as pessoas podem analisar a sociedade a partir de diferentes prismas. As alusões dele realmente são ótimas para entender como as coisas, de certa forma, se interligam.
    Gostei do seu blog e dos seus textos. Desejo sucesso com o blog!
    Andressa Lima - Blog Primeira Página

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, Andressa!
      Obrigada pela visita! Fico feliz que tenha gostado do que encontrou por aqui! =)
      Também adoro Gregório de Matos, mas estava me sentindo mal por nunca ter lido uma obra completa de Vieira. Os textos dele valem muito a pena mesmo.
      Bjss

      Excluir

Comentar leva apenas alguns segundos...Sua opinião é muito importante! =D

© LIVRE LENDO - 2016 | Todos os direitos reservados. | Blog de Andrea Morais | Tecnologia do Blogger