.12 de agosto de 2016

Amor de Perdição - Camilo Castelo Branco


Obra mais famosa do português Camilo Castelo Branco, Amor de Perdição traduz em todos os sentidos os ideais do ultrarromantismo e os desalentos da sociedade oitocentista, trazendo em seu enredo um tom autobiográfico já que o autor a escreveu em quinze dias enquanto estava preso por causa de uma acusação de adultério... 
O livro narra a história de amor dos adolescentes Simão Botelho (suposto tio de Castelo Branco) e Teresa de Albuquerque  que não podem ficar juntos porque seus pais são grandes inimigos. No início, o narrador vai trabalhar outros relacionamentos que tiveram apenas interesses "mundanos", dando uma maior integridade ao amor dos protagonistas. No mais, o livro trata disso, Simão e Teresa se amam, mas não podem ficar juntos, ambos têm pretendentes que seriam escolhas mais fáceis, no entanto eles decidem lutar por esse sentimento proibido e pagarão o preço por isso. 
Há muito eu protelara a leitura desta obra porque não gosto muito de romances românticos... Eles sempre acabam em tragédia e sua visão machista me enerva profundamente, pois, não importa o que aconteça, na maioria dos casos é sempre a mulher a mais castigada. Porém, o que me fez dar nota dois ao livro nem foi a tragédia, afinal, temos aqui uma novela passional, o drama e a tragicidade são intrínsecos ao gênero, meu problema foi com as motivações das protagonistas... Os jovens Simão e Teresa apaixonam-se à primeira vista, até aí tudo bem, só que eles não tem qualquer contato real, em um espaço de quase três anos só se corresponderam por cartas e se viram pessoalmente em apenas quatro ou cinco ocasiões! Logo, por quê? Como esses dois alimentaram essa paixão tão ardorosa que os leva a extremos cada vez mais perigosos? O narrador diz que ambos têm naturezas fortes e não vêm o amor como algo passageiro e juvenil, mas a dramaticidade é tanta que não há como não desconfiar de que tudo ali é falso e hiperbólico, sinceramente, o argumento não convence.
Muitos dirão: - Então por que esta é a obra mais famosa do autor? Talvez por sintetizar todas as características do movimento, ou porque Castelo Branco também viveu um amor de perdição e teve toda uma vida conturbada e boêmia, talvez sejam as cartas que trazem cada vez mais próximos os sentimentos das personagens... O que posso dizer é que a literatura clássica nos mostra sempre um panorama da sociedade da época e quanto a isso, Amor de Perdição elucida-nos muito bem, mas a narrativa em si pode não agradar alguns leitores e a mim não agradou. =( 

24 comentários:

  1. costumo gostar desses romances apesar do machismo incutido neles justamente por retratarem tão fielmente a época em que foram escritos... ainda não li Amor de perdição mas pretendo ler, tenho ele na estante já a um bom tempo...
    espero curtir mais a leitura do que vc... pena não ter gostado tanto... =T
    bjs...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Val!
      Vou esperar pela resenha no seu blog! =)
      Infelizmente, não gostei mesmo... Pretendo ler outros livros do autor para ver se o problema sou eu ou a escrita dele.
      Bjss

      Excluir
  2. Pena não ter te agradado tanto. :(
    Também odeio o machismo embutido em muitas obras como essa. Apesar de tudo, preciso dar uma chance pra ele e ver o que a narrativa me reserva.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Amanda!
      Concordo com você. É preciso ler para saber se vai agradar ou não.
      =)
      Se fizer resenha, me passa o link depois!
      Bjss

      Excluir
  3. Eu acho que tenho esse livro no meu e-reader, se for o livro que eu estou pensando tentei lê-lo uma vez, mas acabei abandonando a leitura no início. E, pelo que você falou, vejo que eu não teria gostado mesmo rs.
    Beijos,
    sigolendo.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ah, Isa... Eu tentei ler esse livro umas quatro vezes só esse ano! kkkkkkk Consegui terminá-lo, mas não rolou mesmo, não gostei nada! Existem outras obras do autor que dizem ser bem melhores...
      Bjss

      Excluir
  4. Oi Andrea! Tudo bem?
    Que pena que você não gostou tanto desse livro.
    Apenas pela sinopse, parece ser interessante, com um toque de Romeu e Julieta; mas depois, como você disse, a história é falsa de mais, então isso pode decepcionar um pouco.
    Sem problemas! Novos livros virão e sei que você vai gostar bastante deles!

    Abraços! XD

    -Ricardo, Blog Lapso de Leitura

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Ric!
      Então, Romeu e Julieta foi a inspiração mesmo para esse livro! Acho muito chato as escolas obrigarem a galera a ler um livro tão fora do real assim...
      PS: Já estou lendo coisas bem mais legais! =)
      Bjss

      Excluir
  5. Oiii Andrea, como vai menina?
    Eu tenho esse livro na minha estante e creio que seja até uma leitura difícil, estou esperando para ler para a faculdade mesmo e com isso estou fugindo, pena que ele não lhe agradou tanto, espero que eu possa gostar.
    Beijinhos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Morgs!
      Você estuda Letras, né? Vai ter de ler mesmo...
      Mas, calma, pelo menos é uma leitura rápida! O sofrimento dura pouco!
      =)
      Bjss

      Excluir
  6. Olá, talvez eu leia esse livro apenas por ser um clássico, mas sem muitas expectativas. É complicado mesmo imaginar uma paixão forte entre pessoas que raramente se veem, mas o que me incomodaria mais seria a tragédia, o drama.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Maria!
      Pois é, menina, também fiquei bem enervada com essa tragédia desmedida sem pé nem cabeça.... =/

      Excluir
  7. Nossa, este livro eu li na adolescência por causa da escola. Lembro de ter me irritado muito com o machismo existente do livro, mas era algo bem característico da época narrada, então dava para dar um desconto.
    Bjs!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ah, eu fugi dele na época da escola!
      kkkkkkkkkk
      Assim, sei que era a sociedade da época, mas não deixa de ser revoltante, né... =(
      Bjss

      Excluir
  8. Olá, assim como você também não gosto de romances antigos pois são exagerados demais, mostram um sentimento doentio que surge em poucos dias , assim como Romeu e Julieta que eu fiquei totalmente chocada após ler o livro e assistir a peça, fiquei o tempo todo me perguntando, mas isso tudo para que? vocês acabaram de se conhecer KKK

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Gabs!
      Na verdade, eu não gosto de romances românticos, adoro clássicos! Mas as obras do romantismo são melodramáticas ao extremo e não suporto isso. Infelizmente, por esse livro ser inspirado na obra de Shakespeare, a sensação é a mesma! =(

      Excluir
  9. Li esse livro há muito tempo e lembro de não ter gostado muito, justamente porque, assim como você, não sou muito fã de romances românticos rsrs. Por ser um clássico está nos meus projetos de leitura, mas agora que você me lembrou da história foi lá pro final da lista rsrs...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Letícia!
      Pois é, ele está na minha lista de leituras desde janeiro... kkkkkkk Só esse mês criei coragem de lê-lo. Vai na fé! =D

      Excluir
  10. Olá, parabéns pela leitura e pela resenha...

    Confesso que eu queria ter essa força de vontade e começar a ler clássicos, não sei, acho que a época dos vestibulares forçaram tanto esse tipo de leitura que eu nunca consegui sentir prazer pela leitura desses livros...era tudo "obrigado" e isso me desanimou muito. Espero um dia poder reverter essa sensação.

    Abraços

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada, Raquel! *___*
      Olha, eu adoro muito mais os clássicos do que os contemporâneos... mas é uma questão de gosto, né! Infelizmente, a escola obrigada um aluno jovem, sem experiência enquanto leitor a ler textos muito complexos e por vezes maçantes, sem dar o devido contexto da obra... uma pena! =(
      Bjss

      Excluir
  11. Faz um tempo que li Amor de Perdição, concordo com você, a literatura clássica nos traz um panorama da época em que foi escrita e eu gosto disso. Como você, não gosto muito de Romances românticos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pois é, não gostei nada, nada desse romance.
      =(

      Excluir
  12. Oieeee
    Tudo bom?
    Eu costumo gostar da temática do livro, mas após ler sua resenha fiquei com o pé atrás de ler, então por enquanto vou deixar passar a oportunidade.
    Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá! Tudo bem sim e você?
      Olha, eu não gostei nem um pouco, por isso, não recomendo!
      Bjss

      Excluir

Comentar leva apenas alguns segundos...Sua opinião é muito importante! =D

© LIVRE LENDO - 2016 | Todos os direitos reservados. | Blog de Andrea Morais | Tecnologia do Blogger