.4 de março de 2016

O sol é para todos - Harper Lee


Nos anos de 1960, Harper Lee publicou aquela que seria uma das maiores obras literárias de denúncia contra o preconceito racial nos Estados Unidos e suas consequências devastadoras.
Ambientado em uma cidadezinha do estado do Alabama, O sol é para todos, conta, com a perspectiva de Scout, os acontecimentos advindo do racismo que desestruturaram as vidas de todos os habitantes da cidade.
Antes de falarmos sobre o enredo, é preciso explicar algumas questões externas à obra: para quem não sabe, o Alabama fica na região sul dos Estados Unidos e todos os demais estados dessa região entraram, entre 1861 e 1865, em guerra contra os estados do norte por causa da abolição da escravatura que, para os sulistas, era algo completamente absurdo. A guerra acabou e os escravos foram libertados, no entanto, o preconceito continuou e, até hoje, no século XXI, estados como Alabama e Louisiana  ainda têm os maiores índices de atentados contra negros, agora, imaginem como era a situação em plenos anos de 1930, período em que se passa a narrativa de Scout? 
Pois é, nossa narradora-personagem inicia seu relato nos falando sobre sua vida quando ela tinha seis anos. Órfã de mãe, ela e o irmão, Jem, são criados pelo pai, Aticcus, um advogado muito respeitado na cidade e pela cozinheira, uma mulher negra, Calpurnia. Durante os primeiros capítulos, Scout discorre a respeito de seu cotidiano e da vida das pessoas da cidade, mas em determinado momento, ela e o irmão descobrem que o pai está defendendo um homem negro acusado de violentar uma moça branca, e assim, tudo muda na vida deles....

[...] "À medida que for crescendo, e durante todos os dias da tua vida, verá sempre homens brancos enganando homens negros, mas deixe eu te dizer uma coisa que nunca mais vai se esquecer... sempre que um homem branco fizer algo a um homem negro, independentemente da sua natureza, posição riqueza ou linhagem familiar, esse homem branco nada mais é senão lixo." 

As crianças descobrem que sempre foram tão preconceituosas quanto todos os outros brancos da cidade e se revoltam ao perceber como isso afeta negativamente a vida das pessoas negras, percebemos assim, o amadurecimento desses irmãos que começam a narrativa tendo raiva do pobre homem negro acusado INJUSTAMENTE e terminam penalizados com sua situação, tão comum em julgamentos dessa natureza, uma vez que, para o júri, composto totalmente por homens brancos, a palavra de uma pessoa negra não valia absolutamente nada... 
O livro traz uma série de reflexões de várias personagens que apoiam ou não o preconceito racial, nos mostrando todos os lados da moeda e, apesar de ser a protagonista e narradora, Scout não se abstém dos preconceitos, muito pelo contrário, mas diferente de grande parte da população, ela aprende com seus erros e tenta repará-los. 
O sol é para todos foi sem sombra de dúvidas um dos melhores livros que já li em minha vida. A autora soube escrever a respeito de um assunto extremamente polêmico, principalmente para a época e para seu país especificamente, mas o fez com muita delicadeza através do olhar de uma garotinha, trazendo um desfecho excepcional que nos pega desprevenidos e nos faz refletir acerca de nossa hipocrisia. 

10 comentários:

  1. Esse livro é tão lindo, com certeza um dos meus preferidos!!! Amo muitoooo! Sua resenha está maravilhosa. Foi por causa desse livro que criei meu blog!! Não tem como não amar uma história tão incrível, tão genialmente escrita! Sua resenha me fez revisitar este livro maravilhoso!
    Beijos!
    http://virtualcheckin.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada pelo comentário, Lívia!! Fico feliz que tenha gostado da resenha! Também amei muito esse livro, é tocante e muito bonito. Estou louca para ler continuação!

      Excluir
  2. Faz um tempo que tinha visto esse livro e me interessou, mas já tinha esquecido dele, haha
    Amei a resenha, parece que o livro é mesmo muito bom.
    Participando do blog. Bjos.
    Eu Sou Um Pouco De Cada Livro Que Li

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada pelo comentário! Ah, esse livro é incrível, sério, por favor, leia-o! Você vai adorar! Beijos!!

      Excluir
  3. Gostei muito da ambientação histórica que você fez antes de falar do livro. Isso é sempre um ponto interessante de se observar antes de falar sobre uma obra. Faz um tempinho que li, mas lembro de gostar muito! A narrativa é cativante e inocente, tal qual uma criança.
    Obrigada pelo comentário no meu blog, também gostei do seu e vi que você já está nesse universo há muito tempo, isso é bem legal! Seguindo...
    belblioteca.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada pelo comentário e pelo elogio!! Eu amei essa leitura e logo, logo lerei a continuação!! E sim... tô aqui desde quando era adolescente kkkkkkkkkmas as resenhas daquela época não eram muito boas...

      Excluir
  4. Olá, amei a sua resenha. Preciso conhecer esse livro, definitivamente tenho que ler. Só escuto elogios acerca da escrita da saudosa Harper Lee que nos deixou esse ano. Acho muito interessante a premissa, a abordagem do preconceito e por ser narrado por uma criança. Bjos, seguindo para acompanhar as próximas resenhas. ;)

    http://carpediemliterariobr.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi!! Obrigada pelo comentário! Espero que goste das resenhas tanto quanto gostei das suas! Bem vinda!
      PS: O sol é para todos é uma leitura incrível!! Você precisa ler já! *____*

      Excluir
  5. Oi Andrea, indiquei você pra responder uma tag!
    Tag esse ou esse?

    Já tinha ouvido falar desse livro e sabia bem mais ou menos do que se tratava, gostei bastante da tua resenha, com certeza esse deve ser um livro que nos faz repensar muitas coisas, e sendo narrado por uma criança deve ser ainda mais interessante.
    Portas de Papel

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada pela indicação!!!! *___* Olha, esse livro é fantástico! Revoltante, mas, ainda assim, uma ótima leitura.

      Excluir

Comentar leva apenas alguns segundos...Sua opinião é muito importante! =D

© LIVRE LENDO - 2016 | Todos os direitos reservados. | Blog de Andrea Morais | Tecnologia do Blogger