.6 de março de 2016

#1 - O castelo no Céu

Olá, pessoal!Vamos a primeira resenha de um dos filmes da Maratona Studio Ghibli!!



Lançado em 1986 Tenkū no Shiro Rapyuta (O castelo no Céu) foi a primeira produção de Hayao Miyazaki no estúdio e até hoje encanta adultos e crianças com a beleza e profundidade de sua história.
O filme começa com a "fuga" de Sheeta, uma menina misteriosa que possui um colar com poderes extraordinários, de seus captores ao aproveitar-se do ataque de um grupo de piratas "aéreos" que queriam roubar-lhe o artefato.
A menina acaba caindo, literalmente, nos braços de Pazu, um garotinho órfão que sonha em encontrar Laputa - uma ilha-castelo que flutua no céu, no entanto, as pessoas de sua vila acham que ela é apenas uma lenda, mas o menino acredita em sua existência porque seu pai a encontrou uma vez e morreu acreditando nela.
Quando os captores de Sheeta e os piratas a encontram, ambas as crianças decidem fugir e descobrem que a pedra no colar da menina é um mapa para chegar a Laputa, mas ao ser encurralada, para proteger Pazu, a menina parte com seus captores em busca da ilha, enquanto o menino une-se aos piratas - que são muito boa gente - para salvar a vida da amiga. 
Usando técnicas que no futuro consagrariam e tornar-se-iam as marcas registradas do estúdio, tais como: desenhos feitos à mão sem o uso de computação gráfica, trilha sonora belíssima e um roteiro que encanta ao mesmo tempo que nos faz refletir sobre nossos valores e nossa relação com a natureza, O castelo no céu é uma das melhores animações que já vi, mas, infelizmente aqui não teve muito reconhecimento. 
Então, fica a dica de uma ótima produção desse estúdio que nós tanto amamos e que tanta falta nos fará! Até a próxima! *_______*


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comentar leva apenas alguns segundos...Sua opinião é muito importante! =D

© LIVRE LENDO - 2016 | Todos os direitos reservados. | Blog de Andrea Morais | Tecnologia do Blogger