.15 de fevereiro de 2016

O Homem Invisível - H.G. Wells

Minha primeira leitura desse autor e já estou ansiosíssima pelas próximas!! 



Um homem muito estranho chega em uma cidadezinha do interior da Inglaterra todo coberto dos pés a cabeça e dirigindo-se a todos com um mau humor terrível, sem qualquer sinal de educação, ele hospeda-se em um hotel do lugar e começa a fazer suas experiências misteriosas, até que é descoberto o seu maior segredo: ele é um homem invisível!! 
Um dos precursores dos romances de ficção científica, H.G Wells nos mostra uma das facetas de sua criatividade ao propor algo inimaginável: a invisibilidade, não apenas de seres humanos como de animais também. 
Narrado em terceira pessoa, o livro nos conta as desventuras de Griffin, um homem na casa dos 30, albino (muito provavelmente vilipendiado pela sociedade por isso), cientista que descobre uma maneira de tornar-se oculto à visão de todos os seres, no entanto, o que ele achava que seria uma grande descoberta para o mundo científico, torna-se, na verdade, seu pior pesadelo... 
Mas, não fique com pena de Griffin! Para conseguir financiar sua pesquisa tresloucada, ele rouba o pai, consequentemente causa a morte do mesmo e ao longo de toda a narrativa, por onde ele passa sempre deixa um rastro de terror e destruição e não acaba ai! O homem invisível quer, em sua loucura, dominar o mundo e instaurar um reino de terror, no qual todos serão comandados por ele. Sem apresentar qualquer remorso pelas ações que comete, a personagem se torna cada vez mais odiada e repudiada em todos os lugares onde é "reconhecido"... 
O autor também nos explica por a+b (perguntem se entendi algo...) como foi possível que a personagem título fizesse sua descoberta (perguntem se sei se isso é verossímil...) além de nos mostrar complicações cotidianas, como: para estar completamente oculto, Griffin precisa estar nu o tempo todo, como resolver esse problema no inverno? 
Outro ponto interessante na narrativa, além do que já foi dito, é a presença do narrador que se mostra para nós como sendo parte da história, como alguém  que ouviu a respeito desses eventos fantásticos e decidiu contá-los a alguém. 
Agora, imagine você, se pudesse tornar-se invísivel você o faria? Ou melhor, qual seria sua reação a over-se a mercê de alguém que não pode ser visto? 


PS: Adorei essa nova edição da  Alfaguara, um dos selos da editora Objetiva. Ficou linda!! 


Bjss


2 comentários:

  1. Legal, eu já tinha ouvido falar desse livro mas ainda não estava a par da sua estória. Admito que ele não me pareceu tão interessante quanto achei que pareceria, mas ainda acho bem legal a premissa dele. Essa coisa de invisibilidade sempre é interessante hahaha

    http://magoevidro.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu gostei bastante da história, é bem simples, na verdade, mas muito bem narrada! Estou ansiosa pelos próximos livros que lerei desse autor!

      Excluir

Comentar leva apenas alguns segundos...Sua opinião é muito importante! =D

© LIVRE LENDO - 2016 | Todos os direitos reservados. | Blog de Andrea Morais | Tecnologia do Blogger