.24 de dezembro de 2015

Os Ancestrais de Avalon - Marion Zimmer Bradley & Diana L. Paxson

Olá, pessoal!! Há muito tempo atrás, quando os dinossauros ainda andavam pela Terra, comecei a leitura linear da saga As Brumas de Avalon (no final desse post coloco a lista) eu já lera A queda de Atlântica volumes um e dois e o próximo livro era Os Ancestrais de Avalon, mas admito que comecei a primeira tentativa de leitura desse livro em janeiro... E só agora, consegui retomá-la e finalizá-la, meu problema é que eu não sabia que esse livro fora escrito inteiramente pela colaboradora de Bradley, Diana L. Paxson e não estava acostumada com o estilo muito descritivo dessa autora, só que depois de me acostumar com um pouco de chatice dos primeiros cinco capítulos, a leitura deslanchou e só não terminei esse livro antes porque estava lendo outros dois! 



[...] "cada vida tem suas próprias lições, seu próprio significado. Não desejaria que esta fosse interrompida antes que eu descobrisse o que tem a me ensinar!" [...] 


Nos livros anteriores, Teia de Luz e Teia de Trevas, Os Reinos do Mar acabaram por receber uma terrível maldição por causa dos rituais nada ortodoxos do mago Riveda e de Deoris, por isso, para salvar a irmã de um destino horrível, Domaris une-se a Deoris e a grande Deusa Mãe para que esta molde seus destinos. 
Alguns anos se passam e a Terra Antiga das irmãs já foi engolida pelas águas do mar, mas as Ilhas Principais estão sofrendo graves abalos sísmicos. É a partir daí que acompanhamos as histórias de Tiriki (filha de Deoris e Riveda) e Micail (filho de Domaris e Micon) príncipes e sacerdotes de Atlântida esses dois tem como missão encontrar um novo lar para seu povo e construir um grande templo em homenagem aos Deuses, no entanto, durante a fuga, os navios deles acabam por perder-se e ambos pensam que o outro está morto. O navio de Micail aporta no local que hoje é Salisbury, local onde fica o monumento Stonehenge que, na mitologia do livro, foi construído por Micail e outros sacerdotes para ser o novo Templo da Luz, algo que não dá muito certo... Já o navio de Tiriki aporta em Glastonbury local chamado por eles de Terra dos Lagos, onde, no futuro, será Avalon. 
Durante grande parte do livro, veremos como essas duas comunidades vão manter-se, as dificuldades que encontrarão e suas vitórias, mas o primo de Micail, príncipe Tjalan decide usar o monumento que detêm grande poder para "dominar" todos os outros povos próximos, inclusive o povo do Lago, comandado por Tiriki, é assim que vemos a possível destruição total da grande nação de Atlântida e pior, do amor e da confiança entre nossos dois protagonistas... 
Como dito no inicio, o livro demora um pouco para nos prender, mas quando ele o faz, você não consegue mais largá-lo! Ótima leitura e importantíssima para qualquer fã de uma das maiores sagas de Marion Zimmer Bradley. 

Agora, vamos a lista: 

Os Ancestrais de Avalon 
A Espada de Avalon
Os Corvos de Avalon 
A Casa da Floresta 
A Senhora de Avalon 
A Sacerdotisa de Avalon 
A Senhora da Magia 
A grande Rainha 
O Gamo-Rei 
O Prisioneiro da Árvore

Então é isso, minha gente! Espero que tenham gostado do post e vamos ver se até o final do ano que vem consigo ler e reler esses livros!! 

Bjxx

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comentar leva apenas alguns segundos...Sua opinião é muito importante! =D

© LIVRE LENDO - 2016 | Todos os direitos reservados. | Blog de Andrea Morais | Tecnologia do Blogger