.27 de setembro de 2013

SOMBRAS DA NOITE, FRANKENWEENIE E VINCENT

Olá gente linda! Agora uma postagem sobre três filmes do gênio Tim Burton que eu assisti recentemente:

Sombras da noite


Eu ainda não tive a oportunidade nem o tempo para conhecer a história original de Sombras da noite, no entanto o Igor (gótico de carteirinha) assistiu todas as reproduções anteriores a essa e infelizmente disse-me que, mesmo sendo fã do Tim ele não gostou muito desse filme, segundo ele, essa nova versão tirou " a essência romântica" da história, para mim que não conheço nada de sombras da noite (vai começar a zoação....), eu também não gostei muito desse filme, e eu não gostei por causa de um pequeno detalhe, que no filme tomou proporções gigantescas: as cores!!! Eu abomino cores em excesso minha gente. Meus filmes favoritos do Tim Burton são os produzidos em preto e branco, cores e eu não combinamos, e aquela miscelania de cores fortes dispersa a atenção do espectador, de uma história que é contada muito rápido e sem qualquer tipo de nexo! É como se o Tim tivesse assistido a série e dividido o filme em tópicos desta! E detalhe básico: que porra de cena de sexo ridícula entre a Angelique e o Barnabás foi aquela?!! Ai meus Deuses gente! Parece até (Deus me perdoe) que o Tim perdeu a mão pra fazer filmes, porque os últimos longas dele deixaram muito a desejar e eu não recomendo Sombras da noite, a não ser que você queira comparar esta paródia com os originais.

Frakenweenie e Vincent

Frankenweenie foi um curta metragem que o Tim produziu em 1984 e que foi transformado em longa em 2012. O filme é uma paródia do Frank da Mary Shelley e é lindo demais!!! Uma simplicidade encantadora e o sentimento de amizade e a demonstração da forma como as crianças encaram a morte é íncrivel, afinal os pequenos tem imaginação e por que dizer a eles que tudo acaba com a morte? Eu acredito que ela é apenas mais um começo. Ótimo filme, enredo e produção, tudo lindo, e ele é em preto e branco minha gente, tem como não gostar? *_____*




Já Vincent continua como curta produzido em 1982 e é uma homenagem ao ator maravilhosissímo e multi
talentoso, Vincent Price, que também narra o filme, feito totalmente em versos. O menino Vincent sonha em ser igual a seu ídolo Vincent Price e tem tanto ou até mesmo mais dramaticidade do que o próprio. Esse curta é obrigatório a todos os fãs do Tim, ele é muito intimista, fica bem claro que Vincent Malloy é na verdade um arquétipo do Tim criança, o que é ainda mais legal de se ver!! Sério foram os seis minutos mais divertidos da minha vida cultural! (*_____*), vale a pena assistir.

Não postei sinopses porque não achei  necessárias e, é isso minha gente, boa noite! 

2 comentários:

  1. Ahh minha amiga, tirou as palavras da minha boca sobre Dark Shadows, o Tim me decepsionou com essa adaptação, pior que tem tanta história boa na novela, na série, nos livros e ele pegou os tópicos principais, mudou completamente tudo e coloriu as sombras, é uma pena, vindo de Tim Burton poderia ter saido uma obra muito mais elaborada, mas Frank e Vincent são perfeitos mesmo, principalmente o Vincent hahaha.
    "Vincent Malloy tem sete anos de idade..." ^^

    ResponderExcluir
  2. É da a impressão que foi feito as pressas sei lá! Pelo que eu vi da fotografia da novela, o filme não tem nada a ver com a história original =/

    ResponderExcluir

Comentar leva apenas alguns segundos...Sua opinião é muito importante! =D

© LIVRE LENDO - 2016 | Todos os direitos reservados. | Blog de Andrea Morais | Tecnologia do Blogger