.19 de outubro de 2012

Livros, livros e mais livros!

O CORTIÇO - Aluísio Azevedo


Olá pessoal! Tudo bem? 
Eu estou otimamente cansada! Só trabalho! E felizmente ano que vem darei inicio a minha " vida universitária", ( que vida?! universitários são zumbis comedores de livros!) e ai meus queridinhos, é que a vaca vai mesmo pro brejo!
Dessa vez (mais uma vez), eu trago pra vocês um livro da literatura brasileira, alguns amigos meus vivem dizendo " Ai mas por que você fica lendo esses livros chatos?" Gente, alô!! Nós somos brasileiros, língua portuguesa, literatura de ótima qualidade, então por que é legal ler livros estrangeiros totalmente comerciais com estrutura simplória e enredo fraco, e não os ótimos livros que nós temos aqui no nosso pais, na nossa língua, com os nossos costumes, com a nossa identidade?
Pergunta que nunca saberemos a resposta... Mas enfim! eu adoro a literatura do nosso país começando pelo romantismo romântico ( tenho minhas criticas mas nem por isso esse gênero é ruim) e terminando em alguns poucos autores contemporâneos, que infelizmente tem suas maravilhosas obras de arte, ofuscadas por esse lixo comercial que parece estar dominando o mundo e a cabeça desses adolescentes retardados!! 
Foi por gostar tanto da nossa literatura e por sentir tanta vontade de conhece-la melhor é que eu fiz uma lista com todos os livros que quero ler, o primeiro foi Senhora, ao qual já falei a respeito das minhas impressões, e o próximo é O Cortiço, outra grande obra que eu estava mesmo louca pra ler! 

Aluízio Azevedo nos mostra como eram as vidas das classes mais baixas da sociedade brasileira da época, na verdade ele mostra a vida daqueles que eram marginalizados pela sociedade... 
Tudo começa com João Romão um homem pobre, avarento mas muito muito esperto, e Bertolesa, uma escrava que vive em semi liberdade dando em troca a seu "dono" metade dos lucros de sua pequena quitanda, enganada por Romão e coagida por este ela entrega-lhe todas as suas economias e acredita ser uma mulher livre, com o dinheiro da Bertolesa, João Romão começa a construir o seu futuro e assim nasce O Cortiço. 
Lá, vivem pessoas de diversos tipos: negros, mulatos, mestiços, portugueses, italianos etc... (O grande destaque do livro é a descrição que Aluízio Azevedo dá as suas personagens, dando a elas características animalescas.) E assim segue a vida no cortiço entre barracos, brigas, desastres e traições. Azevedo nos dá um outro lado da vida dos brasileiros, um lado ignorado e ignorante, o lado que infelizmente é refletido até os dias de hoje, onde se você não for esperto, por mais que trabalhe, sempre acabará em um buraco qualquer por ai. 

Então é isso galera, esse foi o Cortiço, se quiserem saber mais sobre o livro é só lê-lo oras! Ou assistir o filme baseado na obra! rsrs 


Beijos e até a próxima!





Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comentar leva apenas alguns segundos...Sua opinião é muito importante! =D

© LIVRE LENDO - 2016 | Todos os direitos reservados. | Blog de Andrea Morais | Tecnologia do Blogger